seguidores

4 de fevereiro de 2011

CADÊ O DESCONFIÔMETRO?

CARONA - ...quando andar com as próprias patas cansa... | Imagem: Tatau News
# Hoje ainda não vomitei meu jorro de palavras, o que costumo fazer de madruga. Agora o sol está terrível, bárbaro (no sentido romano), inclemente e o céu abundantemente azul. Para qualquer turista delirar e ficar horas a mercê do melanoma que fatalmente virá. Já viram que não estou de bom humor, não?

Deixou o desconfiometro onde?

Bem, estou lendo um livro sobre o Hell´s Angels, aquele simpático grupo de motociclistas made in USA. Mais em função dele fazer parte do new journalism, pois eles se repetem ad infinitum, Bukowski ao cubo. A ideologia deles é uma piada e é nesta soma de contradições, que o book se torna interessante.

Demetrio Alves Souza e Campos Filho, meu bode caçula, se aproxima e pergunta se posso comprar uma moto para ele. Explico pacientemente que nem eu sei andar de moto, para que ele queria uma? Ele disse ter visto na TV um homem barbudo que parecia um sapo dizer que agora todos no Nordeste teriam motos.

Putz, me imprensou na parede, a anta sempre aprontando.

Falei que era figura de retórica e que nossa fazendola mal dava para pagar as contas e comprar o pão nosso de cada dia. Demetrio acredita em tudo que vê na TV, novelas incluso, e me retrucou que o homem sapo disse que nós eramos uma potência e me perguntou a queima roupa: "nós somos ou não somos classe C?"

5PM, não vou discutir, tomo minha ração-nitroglicerina da noite e fico pensando em Luana, Isabeli, Adriana e vou relaxando... mas, Demetrio insiste: "Tatau!", ele berra, "vi na TV que o homem-sapo vai sair e dar lugar para uma dama, é verdade? E nosso Bolsa Familia?"

Respondo com calma que o prefeito é de nossa coligação partidaria, e que como todos os bodes votam, ele nos conseguiu uma bolsa familia gigante, vitalícia, e ainda para agradar nos colocou como tataranetos de Pero Vaz de Caminha. Tudo tin tin por tin tin, homologado e votado na Câmara Municipal de Xorroxó. Demetrio saiu em disparada para contar a novidade no curral. E eu volto aos meus pensamentos: Luana, Adriana, Isabeli... make my day!

Gran Finale. Fumaça, fogo, sirenes... fui.
#Octaviano Moniz
------------------
Nota da blogueira: Octaviano escreve diferente, estilo livre, sem regras de Português. Corrigi apenas pelo vício... rss vejam o texto original, com suas características poéticas naturais no TATAU NEWS.

Um comentário:

toninho borbo disse...

Maravilha... xero!!